Quem sou eu

Minha foto
Marituba, Pará, Brazil
Naturologista,Iridologo,Fitoterapeuta,Universidade em Pedagogia.Pró-Reitor da UniReiki Marituba/Pará - Reiki Master,Doutorado “Stricto Sensu” em Terapia Holística,Mestre Vitalício do ConReiki -CRK 10.280,Curso de Música em Educação Profissional,etc.Email- gilakel@hotmail.com /Tel:whats (91)988659079 PortabilidadeTIM/(91) 999946364 OI

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Estudo comprova que a música ajuda no tratamento contra o câncer



Foto: Getty Images

Segundo a pesquisa feita na Filadélfia, a música diminui a ansiedade e a dor dos pacientes com câncer
por Jackie salomao

Dizem que a música faz bem para a alma. Agora, cientistas comprovaram que também faz bem para o corpo, de acordo com um estudo feito na Filadélfia (EUA). A música pode ajudar pacientes com câncer, obtendo efeitos positivos em relação ao humor, dor e a qualidade de vida para quem está passando pelo tratamento. O artigo 'Music Interventions for Improving Psychological and Physical Outcomes in Cancer Patients', foi publicado na biblioteca virtual Cochrane Database of Systematic Reviews.

Comandado pela professora Joke Bradt, do Departamento de Tratamentos Criativos da Universidade de Drexel, na Filadélfia, o estudo indicou que a utilização de música como um complemento no tratamento de câncer pode melhorar o bem estar do paciente.

Os pesquisadores analisaram 1.891 pacientes em 30 experimentos distintos, feitos em sete países: Estados Unidos, China, Itália, Irã, Espanha, Taiwan e Vietnã. Estes pacientes foram divididos entre os que ouviram música ao vivo (musicoterapia) e aqueles que escutaram gravações.

Em ambos os casos, os resultados demonstraram que o nível de ansiedade baixou 'consideravelmente' para os pacientes de diferentes tipos de câncer. Segundo a doutora Joke, o procedimento pode servir não só como uma fonte de entretenimento como de concentração. "Está provado que, quanto mais relaxado está o paciente, menos dor ele sente", disse Joke.

Outros estudos deverão ser feitos para entender melhor o efeito da música sob o nível de estresse, pois dados disponíveis são insuficientes para chegar a uma conclusão mais aprofundada. Os resultados sugerem que a musicoterapia pode ajudar a dar 'energia' ao doente, seja escutando música ou até mesmo tocando algum instrumento.


quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Por:Robson Luiz

Nasci em Belém no ano de 1977, Comecei a me interessar por música na infância ouvindo meus familiares tocando instrumentos de sopro e violão, já aos 17 anos aprendi a tocar alguns acordes de violão. A primeira influência como a maioria dos adolescentes na década de 90 foi o rock (inglês, americano, e nacional). Com o meu ingresso na faculdade ficou quase impossível não ter um contato maior com a música popular brasileira, descobrindo gêneros como samba, chorinho, bossa nova e outras vertentes.Nos últimos anos, venho exercitando meu lado compositor, onde tenho como base fundamental a mistura de estilos derivados do rock e da mpb em geral ,passando pela soul music e musica negra.Classifiquei músicas em vários festivais de nível nacional, onde posso destacar: Itacoatiara-AM, Música e Ecologia de Vila Velha – ES e Vitória da Conquista - BA.SERVFEST 2007,FEMUPA 2008-RECENTEMENTE ESTIVE NO FESTIVAL DE MUSICA DA RBA-FILIAL DA REDE BANDEIRANTES NO PARÁ.ALEM DISSO TENHO ALGUMAS DE MINHAS MUSICAS SENDO VEICULADAS NA RADIO CULTURA FM DE BELEM E NA RADIO UNIVERSITARIA UNAMA FM-(PA).FUI UM DOS FINALISTAS DO FESTIVAL DE MUSICA DE CASTANHAL-PA EM SETEMBRO DE 2010.FUI O UNICO COMPOSITOR DO ESTADO DO PARÁ PRESENTE NO FUN MUSIC(FESTIVAL UNIVERSITARIO DE MUSICA) NA ETAPA PRESIDENTE PRUDENTE EM SÃO PAULO.


Assista ao vídeo de meu mais recente trabalho. Quando o Amor Chegar-clip oficial -Musica de Robson Luiz,produção e direção de Lucas Escócio 
http://portalrobsonluiz.wordpress.com/   
E-Mail-(robsonluizcompositor@gmail.com)






quem news


Ivete Sangalo | 09/02/2011 09:07 | Atualizado em: 09/02/2011 09:16
Ivete Sangalo e time de cantores posam para calendário do Retiro dos Artistas
Nomes da MPB foram fotografados por Fernando Torquatto em prol de instituição que abriga 56 artistas
QUEM ONLINE
Fernando Torquatto

revista quem
Fernando Torquatto selecionou imagens inéditas do ensaio realizado por ele para um calendário lançado em janeiro em prol do Retiro dos Artistas, instituição que abriga 56 artistas idosos em Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio de Janeiro. “O calendário foi lançado há pouquíssimo tempo e trazer essas fotos para a coluna é mais uma maneira de ajudar, pois divulga. Acredito que seja, também, um incentivo para que outras pessoas ajudem. Essa participação é muito importante, porque se trata de uma causa bem bacana”, diz o fotógrafo e maquiador. No calendário, há fotos em preto e branco de Chico BuarqueGilberto GilDiogo Nogueira e Ivete Sangalo. “Foi interessante reunir vários nomes da MPB, pessoas novas e consagradas. Fiquei muito feliz com o resultado”, continua ele. O gesto solidário também foi abraçado por cantores como Milton Nascimento e Ney Matogrosso, entre outros. O calendário está à venda no site da instituição e custa 15 reais.

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Mike de Mosqueiro

Mike de Mosqueiro Tcha nana nanana
Com um vídeo simples no you tube sem qualidade ou preparo de figurino e maquiagem ele atingiu mais de 10 milhões de exibições.Leia o artigo completo,assista os vídeos com Viviane Batidão , várias bandas e a música com cifras para violão.(clique em continuação Mike do Mosqueiro)
http://gilakelmusica.blogspot.com/p/continuacao-mayk-do-mosqueiro.html

Suzana Pires


02/03/11 - 07h52 - Atualizado em 02/03/11 - 08h20

Suzana Pires vai doar fantasia do carnaval para o Retiro dos Artistas

Segundo jornal, a atriz vai desfilar no carnaval como musa do Salgueiro e vestida de Carmem Miranda.
Do EGO, no Rio
Tamanho da letra

Ampliar FotoRoberto Filho/Ag. News

Suzana Pires

Musa do Salgueiro, Suzana Pires, a Janaína de "Araguaia", vai doar a fantasia de Carmem Miranda que usará no desfile para o acervo do Retiro dos Artistas. A informação é da coluna de Bruno Astuto, publicada no jornal "O Dia".

Na esteira do bem-sucedido do ‘Pra Ver a Banda Tocar’, de 2005, a Seduc (Secretaria de Educação) criou há três anos o projeto ‘Sopro Doce’, cujo objetivo também é desenvolver a musicalidade entre alunos da rede municipal, mas por meio da flauta doce.

Santos: Alunos melhoram desempenho tocando                                              
flauta doce                                   
Quem confirma essa transformação é a professora Sonia Regina Rodrigues, da escola Lourdes Ortiz (Aparecida). “A maioria tem disciplina de estudo e possui as melhores notas nas classes”.
Atualmente, as aulas acontecem em dez escolas, com grupos de 40 crianças, de 7 a 13 anos, como parte dos programas ‘Santos Criança’ e ‘Escola Total’. O resultado positivo é notado em manifestações culturais, onde cerca de 100 alunos das orquestras mirins das unidades de ensino Lourdes Ortiz, Olavo Bilac e Leonardo Nunes costumam se apresentar.
Método
A professora Sonia Rodrigues, da ‘Lourdes Ortiz’, destaca que a idade influencia na velocidade do aprendizado. Mas uma criança sem nenhum conhecimento musical leva, segundo ela, de dois a três anos para participar de exibição pública, “momento em que terá memorizado todas as notas musicais e como estão organizadas para compor aquela melodia em especial”. A metodologia adotada começa com partituras com desenhos de flautas e notas musicais, determinando o posicionamento dos dedos. Passa por exercícios de repetição até que estejam decoradas. A terceira fase é a leitura da partitura sem o nome das notas, partindo em seguida para a memorização completa da música. Uma de suas alunas, Beatriz Marques, de 8 anos, está fazendo 24 meses de estudo e já dispõe de repertório com dez músicas. Entre elas, identifica como predileta o baião ‘Asa Branca’ (Luiz Gonzaga). “Foi a primeira que aprendi”.
Na escola Olavo Bilac (Marapé), o grupo é menor. São 25 alunos sob a regência da professora Fernanda Lopes. “Abrimos inscrições sempre no início do ano letivo. Muitos passam na seleção, mas acabam permanecendo aqueles que realmente desejam aprender”. Ela citou como exemplo Stephanie Moccia de Sousa Rosa, de 10 anos, que tem apenas sete meses de aprendizado e toca dois tipos de flauta doce: soprano e contralto. “Ela utiliza os instrumentos como se fosse a segunda voz em canto”. Stephanie não deixou por menos: “Quero seguir estudando música e participar de uma sinfônica”.
A professora Lilian Assis Faustino, da escola Leonardo Nunes (Castelo), trabalha com turma maior. Dez das crianças a acompanham por dois anos, enquanto outras 44 aderiram ao grupo no inicio de 2010. Segundo ela, vocação e persistência são fundamentais. Como referência citou Ludmylla Emannuele dos Santos, de 8 anos. “A timidez a fez demorar mais tempo para aprender. Poderia ter desistido, mas com o estímulo dos pais e força de vontade ela alcançou os demais”. Ludmylla completou: “Mesmo sendo difícil não tive vontade de parar”.

Secom Santos

domingo, 23 de janeiro de 2011

Jesus ganhou mais um Trabalhador


Rivanildo Rui Silva de Lima é O Mensageiro do Apocalipse.Um personagem que divulga a palavra de Jesus através da música. O ritmo Rap ganhando cada vez mais adeptos, penetrando todas as camadas sociais,consegue chegar onde nem um ritmo chegou.O personagem atraem os jovens,as crianças e pessoas de todas as idades a cantarem e louvarem ao Senhor.
Assista os vídeos , deixe seu comentário ou entre em contato com O Mensageiro do Apocalipse.
orkut-RivanildoRSL@gmail.com
msm-Ruilima@gmail.com










Primeiro festival online de música gospel promete revelar novos talentos

Publicado por Tiago Chagas em 10 de April de 2012
Tags: 
Primeiro festival online de música gospel promete revelar novos talentos
  Festivais de música gospel são populares em todo o Brasil, porém, um concurso popular inteiramente feito pela internet ainda não havia sido realizado.

O 1° Festival Web de Música Gospel, realizado pela CV Comunicação tem como proposta oferecer uma oportunidade para novos talentos, segundo informações da assessoria de imprensa da organização.
O momento de crescimento do mercado de música gospel, tanto em vendagem de CD’s quanto de música digital, impulsiona não só artistas, mas também investidores.
Pensando nisso, a organização do festival pretende realizar o evento anualmente, incentivando os músicos a desenvolverem composições próprias e novos estilos.
Regras
-Cada autor poderá inscrever individualmente ou em parceria, até três (3) composições que serão analisadas pela comissão de triagem, podendo classificar apenas uma composição que, posteriormente, entrará em votação pelo site.
-As composições deverão ser inéditas, que nunca tenham sido registradas em CDs de músicas, em outros festivais, em filmes ou comerciais em geral. Um vídeo deve ser publicado no Youtube com a canção. Na página da inscrição o participante insere o link do vídeo, bem como arquivo em word ou pdf, constando o título da composição e sua respectiva letra.
Prêmios
Os vencedores vão receber prêmios em dinheiro: R$ 2500,00 para o 1º lugar, R$ 1500,00 para o 2º e R$ 1000,00 para o 3º.
A votação será inteiramente pública. A produção vai interferir apenas na triagem das canções. Participe! Mobilize seus familiares, seus amigos e sua igreja. Todos podem votar!

CARLOS GOMES ABRE INSCRIÇÕES PARA MUSICALIZAÇÃO

Carlos Gomes abre inscrições                                   para musicalização

Segunda-Feira, 31/01/2011, 03:46:52
      Tamanho da fonte: A- A+
Carlos Gomes abre inscrições para musicalização (Foto: Viviane Pinheiro)
Jovens de 6 a 18 anos têm até quinta-feira para participar da seleção (Foto: Viviane Pinheiro)











A partir de amanhã(31),até a próxima quinta-feira(3),estão abertas as inscrições
para o teste de Musicalização e para os testes seletivos de instrumento do
Instituto de Estadual Carlos Gomes.Para concorrer a uma das 475 vagas do
curso de Iniciação à Música ofertado pela entidade,é necessário que o aluno
tenha mais de 6 anos e seja alfabetizado.No período de um ano,ou seja,
durante a Musicalização,a criança aprenderá as notas musicais,terá aula de
canto coral,participará de coral de flauta doce,bandinhas ritmícas e atividades
afins voltadas ao ensino de música infantil.
A faixa etária permitida para o curso de Musicalização vai de 6 a 18 anos e
apresenta três programas de execução,com turmas formadas de acordo com
a faixa etária dos alunos.Os testes serão realizados nos dias 8,9 e 10 de
fevereiro e o resultado será divulgado dia 22.O período da matricula para esses
alunos vai de 23 a 25 de fevereiro.
Cerca de 50 vagas ainda serão oferecidas aos interessados em aperfeiçoar seus
conhecimentos e práticas em instrumentos.As inscrições acontecem nos dias
14 e 15 de fevereiro,e os testes seletivos  nos dias 17 e 18.O resultado será
divulgado em seguida e a matrícula deverá ser efetuada entre os dias 25 e 28 de
fevereiro,as aulas começam dia 1º de março (Diário do Pará).

Endereço do Instituto Carlos Gomes:
Av.Gentil Bittencourt,977 entre Generalíssimo Deodoro e Quíntino Bocaíuva
Informações: 3201-9471 Ramal 267



sábado, 22 de janeiro de 2011

1º Festival da Canção Ananindeua


1° Festival da Canção Ananin


Ter, 12 de Julho de 2011 20:29

Compositores, músicos e intérpretes de todas as partes poderão se inscrever a partir do dia 11 de julho (segunda-feira) até 12 de agosto no 1° Festival da Canção de Ananin. As inscrições poderão ser feitas através do blog do festival onde o material de inscrição (regulamento e ficha de inscrição) estará disponibilizado para download (www.igaraproducoeseventos.blogspot.com). As apresentações serão dias 20, 21 e 22 de setembro na Casa de Shows Cangalha, em Ananindeua.

O festival, que é aberto a todos gêneros musicais e tem como objetivo fomentar, difundir e incentivar a música popular brasileira, além de apresentar, resgatar e divulgar os compositores do município de Ananindeua e revelar novos talentos. O participante poderá inscrever quantas músicas quiser, sendo que somente uma será classificada, independente de parceria.

Nesse período, as inscrições também poderão ser feitas no Bar Teatro Café Portela, que fica na Cidade nova 8, WE 52, nº 221, em Ananindeua. O horário é das 14h às 18h. O valor da inscrição é de R$ 10,00 para cada música. O festival conta com uma premiação de R$ 7.000,00.

O I Festival da Canção Ananin - FECANINDEUA é incentivado pela Lei Semear e conta com o patrocínio da Y.YAMADA e apoio da casa de shows Cangalha, Bar Teatro Café Portela e doceira Abelhuda.

*Com informações da Assessoria de imprensa
Serviço:
I Festival da Canção Ananin
Inscrições: de 11 de julho a 12 de agosto
Valor: R$ 10,00 por música inscrita
Festival: dias 20, 21 e 22 de setembro
Local: Casa de Shows Cangalha, em Ananindeua
Mais informações: 91464526 / 81084850/ 91808560

ICA - AV. Presidente Vargas, S/N, Praça da República - Belém - Pará, CEP: 66017-060 Tel: Secretaria : (91) 3241-5801, Fax: (91) 3241-8369. E-mail: ica@ufpa.br



  Universidade Federal do Para
DOMINGO, 31 DE JULHO DE 2011

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

RBA lança III Festival de Música Popular Paraense


 
RBA lança III Festival de Música

 Popular Paraense



Carimbó, brega, samba, guitarrada, rock, lambada, melody, tecnobrega e muito mais. Não é de se estranhar que um povo miscigenado como o paraense tenha criado uma música tão plural. Para dar voz aos interpretes e compositores da terra, a RBA juntamente com a Vale realiza a 3ª edição do Festival de Música Popular Paraense, uma iniciativa que vai incentivar e premiar a produção local. As inscrições estão abertas até dia 5 de agosto.
“Temos a experiência de dois anos num evento bemsucedido, onde todas os ritmos se manifestaram e participaram. Nesse festival não damos espaço apenas para o que é sofisticado ou popularesco. Um cantor folclórico pode concorrer com um pianista renomado, por exemplo. É um panorama da cultura musical do estado”, reforça o jornalista Edgar Augusto, coordenador do festival ao lado de Marco Antônio, da Marco Eventos. (Diário do Pará)

PARTICIPE
As inscrições para o III Festival de Música Popular Paraense da RBA podem ser realizadas até 5 de agosto, de 10h às 16h, nas Lojas dos Classificados do TEM! do Diário do Pará, nos Shoppings Iguatemi, Castanheira e IT Center, com entrega de material completo. Em Marabá, as inscrições deverão ser efetuadas no Prédio da RBA (Rod. Transamazônica, KM 04, s/n), no horário comercial.
CALENDÁRIO
Inscrições: até 05 de agosto
Divulgação da Pré-Seleção: a partir de 13 de agosto
Etapas Classificatórias: de 25 a 31de agosto
Ensaios: a informar
Final: 15 de setembro
INSCRIÇÕES
-Podem inscrever-se todos os compositores paraenses e não paraenses,desde que notoriamente radicados no Pará há no mínimo um ano. Cada concorrente poderá inscrever até 1 (uma) música, que deverá ser entregue em CD de qualidade.
-No momento da inscrição, deverá ser preenchida uma ficha com a identificação a respeito do inscrito, com nome completo, nome artístico e número da carteira de identidade e CPF. A assinatura da ficha representa a aceitação de todas as regras do Regulamento do Festival.
-Cada composição inscrita deverá ser inédita, entendendo-se por inédita música que nunca tenha sido premiada em primeiro lugar em outros festivais. Por original, música (letra e melodia) não plagiada de outra já existente.
-O regulamento e a ficha de inscrição estarão disponíveis no momento da inscrição e o regulamento poderá ser acessado também no site: